in , ,

Charli XCX critica fãs ao “matarem” Taylor Swift em balada: “Podem parar”

A cantora descobriu o significado da frase que o público cantava em uma balada paulista

Charli XCX
(Foto: Instagram/@charli_xcx)

De passagem pelo Brasil, Charli XCX descobriu uma situação que está acontecendo nas baladas pelo país. Diante disso, a cantora, que fez um set como DJ durante a madrugada deste domingo (23), criticou os gritos dizendo que “Taylor Swift morreu” e pediu para que o público pare com isso imediatamente.

LEIA MAIS:

Charli XCX
(Foto: Instagram/@charli_xcx)

Em uma publicação nos stories do seu Instagram, Charli exibiu um tweet onde um fã explicou a ela o que aconteceu durante o seu set em uma balada paulista. No vídeo, é possível ver pessoas gritando a frase “a Taylor morreu” durante uma festa.

Por isso, Charli XCX escreveu sob o print e criticou a fala. “As pessoas que fazem isso podem parar. Online ou em meus shows. É o oposto do que eu quero e me incomoda que alguém pense que há espaço para isso no nosso clubinho. Eu não vou tolerar isso”, comentou.

Charli XCX desembarcou no Brasil na última sexta-feira (21)

São Paulo ganhou tons de verde na últia sexta-feira (21). Afinal, Charli XCX está de volta ao Brasil e desembarcou no aeroporto internacional da capital paulistana durante a manhã. Em alta com o aclamado disco “BRAT” (2024), a artista inglesa foi recepcionada pelos fãs, que levaram várias cópias do “BRAT” e de outros trabalhos para ela autografar.

Dezenas de fãs fizeram festa com a chegada de Charli XCX ao país. Como das outras vezes em que esteve por aqui, ela esbanjou simpatia e distribuiu fotos e autógrafos. O que mais chamou atenção de internautas ao ver os registros é a cor verde-limão por todo canto, com as várias cópias do disco “BRAT” que os fãs levaram – em CD, vinil, pôster e por aí vai…

Outro detalhe que repercutiu nas redes sociais foi um fã ter levado uma cópia do “Melodrama”, disco que Lorde lançou em 2017, para Charli XCX assinar. Nesta última madrugada, elas lançaram juntas o remix da música “Girl, so confusing”.