CEO do Spotify oferece R$ 13 bilhões ao Arsenal; time recusa
Foto: Daniel Ek/Spotify - Stockholm
in

CEO do Spotify oferece R$ 13 bilhões ao Arsenal; time recusa

“Respeito a decisão deles (Arsenal), mas continuo interessado e disponível caso essa situação mude”, afirma Daniel Ek, CEO do Spotify

O CEO do Spotify, Daniel Ek, permanece com o interesse de adquirir o seu time de infância, Arsenal Football Club. A iniciativa, por meio de um consórcio que envolve os franceses Thierry Henry e Patrick Vieira, além do holandês Dennis Bergkamp; também conta com o apoio leal de gigantes da indústria, como Jay Z e o CEO do Universal Music Group, Sir Lucian Grainge, de acordo com o MBW. Em um tweet enviado no sábado (15), Ek afirmou que havia feito uma oferta oficial de bilhões de dólares pelo clube. A proposta, no entanto, foi recusada.

No tweet, o bilionário de 38 anos disse: “Relatórios imprecisos surgiram hoje dizendo que eu não fiz uma oferta pelo Arsenal Football Club”.

“Acho que é importante corrigir o recorde – esta semana, foi feita uma oferta a Josh Kroenke [dono do Arsenal] e aos banqueiros que incluía propriedade de torcedores, representação no conselho e uma ação de ouro para os torcedores.Eles responderam que não precisam do dinheiro. Respeito a decisão deles, mas continuo interessado e disponível caso essa situação mude“, afirma Ek.

A oferta da Ek, de acordo com o site Sky Sports News, está estimada em £ 1,8 bilhão (US $ 2,5 bilhões, cerca de R$ 13 bilhões). A história ainda não acabou, no entanto. Embora a primeira oferta de Ek tenha sido negada, a gigante do streaming ainda está buscando outras opções para “dar aos fãs uma palavra significativa e influência na forma como o clube é administrado”, diz Sky Sports News.

O interesse de Ek pelo Arsenal veio na sequência da tentativa fracassada do Arsenal de ingressar na Superliga Europeia, uma liga VIP com 14 outros clubes europeus nos quais eles nunca poderiam ser rebaixados. Mas, os proprietários do Arsenal, a família Kroenke, insistiram desde o princípio que não venderão o time a qualquer preço.

“Nos últimos dias, notamos especulações da mídia em relação a uma possível oferta de aquisição do Arsenal Football Club”, dizia o comunicado assinado por Stan Kroenke e seu filho Josh. “Continuamos 100% comprometidos com o Arsenal e não estamos vendendo nenhuma participação no clube. Não recebemos nenhuma oferta e não aceitaríamos nenhuma oferta. Nossa ambição para o Arsenal continua sendo a de competir para ganhar os maiores troféus do jogo e nosso foco continua em melhorar nossa competitividade em campo para conseguir isso.”

O interesse de Ek movimentou principalmente a indústria musical, já que depois do CEO do Spotify ter revelado seu desejado em adquirir o tradicional clube inglês, foram anunciados os reajustes nas mensalidades do Spotify. Enquanto isso, a Deezer aproveitou a oportunidade para rearfirmar que não aumentará os valores das suas mensalidades até o final de 2021, e que “ajuda o fato de não estarmos adquirindo nenhum clube de futebol”, relembre o posicionamento clicando aqui.

Em tempo, o Spotify divulgou na última semana o marco de 5 bilhões de streamings do projeto Spotify Singles. O programa que, nos últimos 5 anos envolveu mais de 300 artistas pelo mundo e quase 630 gravações, tem como objetivo convidar cantores de diferentes gêneros para gravar duas músicas em estúdio, sendo uma autoral e uma cover. Saiba mais detalhes clicando aqui.

Escrito por Láisa Naiane

Exclusivo: Karol Conká não pretende lançar “Louca e Sagaz” como single

“Sol No Peito”: Nick Cruz apresenta capa de seu novo single com foto pré-hormonização