banner com link para rádio globo
(Foto: Reprodução Internet)
in ,

Causa da morte do rapper DMX é divulgada

DMX sofreu um overdose em abril deste ano e ficou hospitalizado

DMX sofreu uma overdose em abril deste ano e não resistiu às complicações. Agora, quase três meses depois, a causa oficial de sua morte foi divulgadas. O rapper foi vítima de um ataque cardíaco induzido por cocaína que causou uma falta de circulação sanguínea em seu cérebro.

(Foto: Reprodução Internet)

A informação foi revelada pela Vulture, que recebeu informação do escritório do legista do condado de Westchester. “Foi uma parada cardíaca por um período de tempo, então não houve circulação para o cérebro”, disseram eles, explicando que a intoxicação por cocaína causou essa cadeia de eventos.

“Sua morte literalmente aconteceu imediatamente porque o cérebro estava morto”, explicou a fonte. “Obviamente, houve vários dias em que ele recebeu suporte ventilatório e assim por diante no hospital. No entanto, ele foi diagnosticado com morte cerebral no início … Ele nunca acordou do coma.”

O relatório também esclarece a declaração do advogado de DMX sobre o rapper nunca ter sido diagnosticado com Covid-19 ou ter recebido a vacina, dizendo que “as pessoas que fizeram essa declaração não tinham base para formular uma crença.”

DMX foi hospitalizado no dia 2 de abril após ter um ataque cardíaco desencadeado pela overdose, ele ficou hospitalizado mas morreu no dia 9. Sua morte foi confirmada pela família através de um comunicado:

“Estamos profundamente tristes em anunciar hoje que nosso ente querido, DMX, nome de nascimento de Earl Simmons, faleceu aos 50 anos no Hospital White Plains com sua família ao seu lado depois de ter sido colocado no suporte de vida durante os últimos dias. Earl foi um guerreiro que lutou até o final. Ele amava sua família com todo o seu coração e nós apreciamos os momentos que passamos com ele. A música de Earl inspirou inúmeros fãs em todo o mundo e seu legado icônico continuará vivo para sempre. Apreciamos todo o amor e apoio durante este tempo incrivelmente difícil. Por favor, respeitem nossa privacidade enquanto lamentamos a perda de nosso irmão, pai, tio e o homem que o mundo conhecia como DMX. Compartilharemos informações sobre seu serviço memorial uma vez que os detalhes sejam finalizados”.

DMX começou sua carreira em 1991 e impressionou com seu disco de estreia, “It’s Dark And Hell Is Hot“, que vendeu mais de 250 mil cópias na primeira semana de lançamento. Quer saber mais? Confira o POPline News feito exclusivamente sobre o rapper.

LEIA MAIS: “Poderia ser eu”, diz Demi Lovato sobre overdose do rapper DMX

Busca por músicas de DMX sobem 928% após sua morte

De acordo com o site da Billboard, as músicas de DMX cresceram cerca de 928% no streaming após sua morte. Citando relatórios do MRC Data, a publicação afirma que as faixas ganharam 75,7 milhões de streams sob demanda (áudio e vídeo combinados) em 9 e 10 de abril.

Veja as 5 cinco canções mais ouvidas de DMX entre 9 e 10 de abril:

1. “Ruff Ryders Anthem” (9,59 milhões; aumento de 973%)

2. “X Gon ‘Give It to Ya” (5,79 milhões; aumento de 900%)

3. “Slippin’” ( 5,52 milhões; aumento de 853%)

4. “Party Up (In Here)” (5,20 milhões; aumento de 941%)

5. “How It’s Goin ‘Down“, com Faith Evans (3,52 milhões; aumento de 691%)

Curtiu esta matéria? Clique aqui para ler mais conteúdos do Oh My God! by POPline. Tem listas, curiosidades, virais, celebs, k-pop, reality shows e muito mais sobre cultura pop!

Escrito por Carolina Stramasso

K-Pop: BTS quebra novo recorde no Japão

K-Pop: BTS quebra novo recorde no Japão

Any Gabrielly lança quadro de culinária em seu canal no YouTube