Cat Kreidich é nomeada presidente global da ADA Warner Music
Foto: Divulgação Warner Music
in

Cat Kreidich é nomeada presidente global da ADA Warner Music

Cat Kreidich sucede Eliah Seton que, após mais de uma década na WMG, assumiu recentemente a presidência do SoundCloud

A Warner Music Group (WMG) promove Cat Kreidich a Presidente da ADA Worldwide, selo independente da WMG e braço de serviços para artistas.

Kreidich, que ingressou na ADA Worldwide como vice-presidente executiva (EVP) no final do ano passado, ficará na sede da empresa em Nova York e se reportará diretamente a Max Lousada, CEO da Warner Recorded Music. Ela sucede Eliah Seton que, após mais de uma década na WMG, assumiu recentemente a presidência do SoundCloud, saiba mais clicando aqui.

Os muitos pontos de contato da Warner servindo à comunidade musical independente ficarão sob a responsabilidade de Kreidich, incluindo ADA, o selo Asylum e Level – a plataforma da WMG para artistas não assinados.

 

Cat Kreidich na indústria musical

Kreidich saiu da Sony Music, onde atuou por quase uma década em cargos de liderança comercial, estratégica e operacional, na divisão The Orchard.

Nos últimos meses, a ADA expandiu suas operações globais com a ADA Latin (América Latina, Espanha e Portugal) e ADA Ásia (Grande China, Coréia e Sudeste Asiático) – bem como acordos de licenciamento estratégico com parceiros, como os líderes indie da Malásia gravadora, KRU Music; agregador Punjabi de rápido crescimento, Sky Digital India; O maior centro independente da África, Africori; e a principal gravadora independente do mundo árabe, Rotana Music. Na semana passada, a ADA anunciou uma parceria exclusiva com os pesos pesados ​​da indústria Billy Mann e Benton James, lançando o selo fruto de uma Joint-Venture, chamado Icons+Giants.

“Na Warner, estamos fortalecendo a maneira como servimos artistas e empreendedores originais em cada estágio de desenvolvimento de carreira. Como parte dessa missão, a ADA é um farol de expertise e suporte para artistas e selos independentes em todo o mundo. No curto espaço de tempo desde o retorno de Cat à ADA, ela já inspirou a todos com sua paixão e criatividade, sua profunda devoção à comunidade indie e sua ampla experiência global. Ela é a escolha ideal para liderar a ADA no futuro”, disse Max Lousada, CEO Warner Music Group.

“Defender a comunidade indie está em meu sangue; é o que tem guiado minha carreira nas últimas duas décadas, e estou honrado em moldar o futuro deste espaço com uma potência como a ADA. Com base na grande base e nas equipes de nível mundial que Eliah criou, estou focada o em me basear em nossos insights para encontrar maneiras novas e inovadoras de ampliar as visões de músicos e criadores de todo o mundo. Quero agradecer a Max por esta grande oportunidade”, celebra Kreidich.

Antes de ingressar na ADA Worldwide, Kreidich atuou como vice-presidente sênior de comércio do catálogo global da Sony Music Entertainment, onde liderou campanhas para nomes como Mariah Carey, Billy Joel, Bob Dylan e outros. Durante esse tempo, ela também ajudou a reestruturar os negócios do Legacy para um ambiente de streaming em rápido crescimento, trazendo uma sensibilidade de dados que gerou campanhas de sucesso para Michael Jackson, Alicia Keys, Travis Scott, Bruce Springsteen e muitos outros.

Kreidich atuou anteriormente em uma variedade de outras funções na indústria, incluindo passagens pela Ultra Records, Caroline Distribution, Virgin Records e Motown Records.

Escrito por André Abílio

“Batom de Cereja”, de Israel & Rodolffo, entra no Top 30 do Spotify Global

“Floribella”: Juliana Silveira lançará álbum com regravações