in ,

Casa do POPline Bahia: Allana Sarah, a Dama do Pagode, fala sobre sua carreira como uma das poucas mulheres do pagodão baiano

Já há algum tempo que o POPline fala sobre Allana Sarah, a Dama do Pagode. Desde que ela realizou o sonho de conhecer Ludmilla, de quem é muito fã e tem até tatuagem em homenagem. E agora é a vez da Dama do Pagode, que é um dos maiores talentos da música baiana recente, falar com a gente sobre sua carreira, ao estrelar o 4º episódio do quadro Baiano Não Nasce, Estreia!, gravado na Casa do POPline Bahia, em Salvador.

No vídeo, a Dama do Pagode fala sobre estar quebrando barreiras no ritmo, que é predominantemente masculino, mas que ela não é a única mulher no pagodão baiano.

Além disso, ela relembrou de seu encontro com Ludmilla, que foi intermediado pelo POPline, e falou sobre os planos para este ano de 2020, agora pós-carnaval, que vem, inclusive, com uma música composta por Ludmilla.

Veja o vídeo completo:

O carnaval pode ter acabado, mas o conteúdo gerado pela Casa do POPline Bahia seguirá em uma série de publicações nas próximas semanas, enaltecendo a cultura e a música baiana da melhor forma possível: com os baianos em destaque.

Escrito por Kavad Medeiros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ally Brooke usa sample de “Lady Marmalade” em música nova, “Fabulous”

“Stupid Love”, de Lady Gaga, começará a tocar nas rádios só semana que vem