in ,

Bernardo Sim: Para Jennifer Lopez, 2016 já começou

Na lista da Forbes de mulheres mais bem pagas da indústria da música em 2015, Jennifer Lopez é listada em sétimo lugar, na frente de Mariah Carey, Rihanna e Nicki Minaj. A empresária, cantora e atriz é uma das personalidades mais subestimadas do entretenimento. É comum ouvir elogios sobre o seu belo físico aos 46 anos de idade, mas pouco se fala do poder, do impacto, da disciplina e da importância da J-Lo como mulher de negócios e artista. Esta é a mulher que inspirou a criação da busca de imagens do Google (Não acredita? Dá um Google sobre isso!). E oito discos e mais de trinta filmes depois, a novaiorquina não para, e já está dominando 2016 antes mesmo do ano começar.

jlo-amas

Para Jennifer Lopez, o próximo ano começou neste último fim de semana. Ela foi a anfitriã da premiação American Music Awards, televisionada pela ABC, que serviu como pontapé para introduzi-la a um ano de muitos trabalhos pela frente. Em 2016, J-Lo vai ser jurada da última temporada do “American Idol” na emissora Fox, começar a residência de shows “All I Have” em Las Vegas, protagonizar um seriado policial “Shades Of Blue” na emissora NBC, produzir e gravar o filme “Mothers I’d Like To…” com a Universal, e ainda existem fortes rumores de um novo disco.

O interessante não é nem analisar a lista de trabalhos dela, mas perceber que tudo dá muito certo e já vem bem amarrado: a residência ainda nem começou, mas duas pernas de shows já foram confirmadas; o seriado de TV ainda nem estreou, mas 13 capítulos já foram encomendados. Sem falar que, se você prestou atenção na lista, vai ver que em poucos meses a mulher vai transitar entre ABC, NBC e Fox, três das quatro grandes emissoras abertas dos Estados Unidos. Para os que não entendem como a indústria do entretenimento americana funciona, estes feitos não devem fazer tanto sentido… Mas são impressionantes.

Eu sempre disse isso em relação à Jennifer: os CDs dela não são os melhores e nem os mais vendidos, e os filmes dela não são os melhores e nem os mais assistidos, mas tudo que ela faz sempre dá certo e vende bem. As gravadoras, produtoras, empresas e empresários não apostam nela por ser líder de mercado, mas porque ela tem um certo patamar de sucesso garantido. Essa consistência é incrivelmente rara nos tempos de hoje.

jlo-2016

É irônico lembrar que ela namorou o P Diddy (Sean Combs) no início da vida pública, porque ela de certa forma se tornou a versão feminina do que ele representa: uma forte personalidade pública que permeia o mundo dos negócios e o mundo da arte com maestria e facilidade. Ela se tornou o ponto forte do “American Idol” decadente pós-Simon Cowell. Ela se tornou o ponto forte da fraca música oficial da Copa do Mundo no Brasil, “We Are One”. Até na época mais farofeira do Pitbull, foram as músicas dele com a Jennifer Lopez que ainda conseguiram se sobressair. De algum jeito, por algum motivo, a tal J-Lo sempre sai por cima.

Nos Estados Unidos, assim como no Brasil (ou talvez até pior), as discussões sobre gênero e raça estão à flor da pele. É interessante analisar como o mercado americano tem continuado a aceitar a Jennifer Lopez, que é claramente latina e já não é uma garotinha jovem. A aceitação quanto aos latinos é bem difícil nos EUA, e é ainda mais difícil ver o público jovem e o meio publicitário interessado numa cantora depois dos quarenta. Sem sombra de dúvidas, ela tem um tremendo talento e sensibilidade para saber os momentos certos para explorar a música, ou o cinema, ou a TV, ou qualquer outro meio de comunicação que ela já adentrou (lê-se: praticamente todos).

Pode ser que esse seja o grande ano da J-Lo. Pode ser que “Shades Of Blue” dê audiência, ou que o “American Idol” bombe por ser a última temporada, ou que os shows da residência dela tenham os ingressos esgotados e renovados para mais pernas. Mas se o tempo já nos ensinou algo, isto é: errado, de verdade, nada que ela faz dá.

jlo-gif

Escrito por Bernardo Sim

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Justin Bieber cancela performance na TV de última hora sem justificativa

OMG: Jornalista publica foto de Cheryl “supostamente” usando cocaína e cantora entra com ação judicial