in ,

Avril Lavigne fala sobre sua sonoridade: “É hora de ser aberta e explorar diferentes estilos”

Depois de seis anos longe da estrada, Avril Lavigne finalmente iniciou sua nova turnê “Head Above Water Tour” no útlimo 14 de setembro. O repertório é uma mistura de suas músicas mais conhecidas, dos anos 2000, além das faixas do mais recente álbum. Em entrevista ao Chigaco Tribune, a cantora contou que fica sempre feliz em contar a história de sua carreira, mas ao mesmo tempo quer buscar novos caminhos para sua sonoridade.

“Todas as memórias logo voltam. As músicas mais recentes são mais trabalhosas. É muito difícil lembrar os acordes, memorizá-las completamente e lembrar todas as partes. O material antigo volta fácil e é realmente divertido cantar… O show será essa jornada legal que eu levarei todo mundo comigo. Será essa jornada emocional. Tudo pelo que passei, tendo que fazer uma pausa na minha saúde e lutar contra tudo isso, voltar e fazer música, me apaixonar pela música mais uma vez. Como eu estou por aí há tanto tempo, é muito legal trazer todas as músicas antigas”.

Avril Lavigne ficou mais conhecida por um pop/punk bem autêntico. Em certos momentos, ela teve uma tendência maior para o pop. No “Head Above Water”, quase não apareceram mais guitarras e a sonoridade é mais melódica. Para o futuro, dá pra esperar algo bem diferente.

“Meus fãs estão prontos para que eu cresça e mostre diferentes lados de mim, seja mais vulnerável e realmente quebre barreiras. E é hora de eu também ser aberta e explorar diferentes estilos. Apenas indo um pouco mais longe, me esforçando mais”, concluiu.

A turnê tem datas até 11 de outubro.

Escrito por Caian Nunes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buser e POPline levam Pabllo Vittar e Lexa para a 24° Parada do Orgulho LGBTQI+ do Rio de Janeiro

Cardi B desmente lista da Forbes que diz que ela teria ganhado U$28 milhões no ano: “bem longe da realidade”