Foto: Unsplash
in

“Aquarela do Brasil” volta ao topo das mais gravadas, revela Ecad

Em comemoração ao Dia da Música Popular Brasileira, o Ecad fez um levantamento sobre as músicas brasileiras mais gravadas até agora

Hoje, 17 de outubro, é festejado o Dia da Música Popular Brasileira, em homenagem ao nascimento da compositora e maestrina Chiquinha Gonzaga, no ano de 1847. Para comemorar a data, o Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição) fez um levantamento sobre as músicas brasileiras mais gravadas até agora e constatou que houve uma mudança na liderança desse ranking. “Aquarela do Brasil”, de autoria de Ary Barroso, voltou ao topo, com 414 gravações.

“Garota de Ipanema”, de Vinicius de Moraes e Tom Jobim, agora ocupa a segunda posição com 413 gravações e está à frente de “Carinhoso”, de Pixinguinha e Braguinha, que era a primeira colocada em abril deste ano e, no momento, é a terceira, com 411 gravações.

Leia mais:

Atualmente, entre as cinco primeiras colocadas, também estão “Asa branca”, de Humberto Teixeira e Gonzagão (357 gravações), e “Manhã de carnaval”, de Luiz Bonfá e Antônio Maria (292 gravações). Nesse ranking, Tom Jobim se destaca por fazer parte da autoria de sete entre as 15 primeiras músicas do ranking.

As alternâncias nesse ranking ocorrem a partir do cadastro de novas gravações de músicas nas associações (Abramus, Amar, Assim, Sbacem, Sicam, Socinpro e UBC), que formam a gestão coletiva no Brasil e administram o Ecad.

Veja o ranking das 15 músicas brasileiras mais gravadas de todos os tempos:

1- “Aquarela do Brasil” (Ary Barroso)
2- “Garota de Ipanema” (Vinicius de Moraes / Tom Jobim)
3- “Carinhoso” (Braguinha / Pixinguinha)
4- “Asa branca” (Humberto Teixeira / Gonzagão)
5- “Manhã de carnaval” (Antonio Maria / Luiz Bonfá)
6- “Eu sei que vou te amar” (Vinicius de Moraes / Tom Jobim)
7- “Corcovado” (Tom Jobim)
8- “Chega de saudade” (Vinicius de Moraes / Tom Jobim)
9- “Wave” (Tom Jobim)
10- “Desafinado” (Newton Mendonca / Tom Jobim)
11- “As rosas não falam” (Cartola)
12- “O barquinho” (Roberto Menescal / Ronaldo Bôscoli)
13- “Insensatez” (Vinicius de Moraes / Tom Jobim)
14- “Eu só quero um xodó” (Dominguinhos / Anastácia)
15- “O menino da porteira” (Luizinho / Teddy Vieira)

Escrito por Rafa Ventura

Prêmio Multishow: IZA e Titi Müller revelam novas performances e indicados

Retorno de Adele impacta agenda de Taylor Swift e Bruno Mars

“Easy On Me”: Adele já garantiu o topo da Hot 100 da próxima semana