in

Alok lança versão remixada da clássica “Epitáfio”, hit dos Titãs

Nesta sexta-feira (28) Alok finaliza o ano lançado uma nova versão de “Epitáfio”, música que fez sucesso em 2011 na voz dos Titãs. Lembra aquela do “Devia ter amado mais”? Essa mesma, uma música marcante e emocionante!

A música foi regravada com a participação dos Titãs, especialmente para um quadro do programa Caldeirão do Huck, especial de final de ano, que vai ao ar no sábado (29). O legal é que os lucros serão revertidos e doados para a ONG Instituto Anelo, que trabalha a cidadania através da música.

“Foi incrível ter participado de um projeto como esse. Ainda mais sabendo que é em prol de uma causa tão nobre”, conta Sergio Britto. “Foi um encontro instigante, divertido e mostrou mais uma vez que a música não tem limites”, completa Branco Mello.

Já Tony Bellotto falou sobre o encontro: “Unir a tradição titânica à modernidade do Alok, sob a sensibilidade do Luciano (Huck), em prol do talento e da generosidade do Luccas e do pessoal da Anelo, num projeto divertido e criativo, comprova mais uma vez que só a educação pode transformar o Brasil”, reflete o guitarrista. Luccas Soares é o criador da Anelo e ensina música para as crianças da comunidade onde nasceu.

Alok está muito orgulhoso do projeto. “Titãs foi sempre uma referência musical tanto pra mim quanto para os meus pais e trabalhar em algo com eles certamente faz parte da realização de um sonho que vivo agora. A singularidade de ‘Epitáfio’ torna o sentimento envolvido ainda mais forte, uma música atemporal, repleta de nostalgia e poesia enraizada na vida de todo brasileiro. E nada poderia ser tão bom em prol de uma boa causa que esse combo de competência, profissionalismo e talento em união”, completa Alok.

Escute:

A letra é uma bela reflexão, principalmente neste momento de final de ano. Leia:

Devia ter amado mais
Ter chorado mais
Ter visto o sol nascer
Devia ter arriscado mais e até errado mais
Ter feito o que eu queria fazer
Queria ter aceitado as pessoas como elas são
Cada um sabe a alegria e a dor que traz no coração

O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar…

Devia ter complicado menos, trabalhado menos
Ter visto o sol se pôr
Devia ter me importado menos com problemas pequenos
Ter morrido de amor
Queria ter aceitado a vida como ela é
A cada um cabe alegrias e a tristeza que vier

O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar…

Devia ter complicado menos, trabalhado menos
Ter visto o sol se pôr.

Escrito por Caian Nunes

Britney Spears tem 18º vídeo acima de 100 milhões de visualizações com “(You Drive Me) Crazy”

Ouça “Joga Sem Parar”, parceria de Jojo Maronttinni, MC Kevin O Chris e DJ Batata