in

Alaíde Costa recebe o Troféu Tradições UBC em noite de celebração

Emicida, Simoninha, Ayrton Montarroyos, Zé Manoel e Marcelo Lima (filho de Alaíde) estiveram na homenagem, realizada pela União Brasileira de Compositores nessa quinta-feira (20)

Alaíde Costa recebe o Troféu Tradições UBC em noite de celebração
Alaíde Costa recebe o Troféu Tradições UBC em noite de celebração. Foto: Flavia Marcatti/UBC

Em uma noite de celebração, nesta quinta-feira (20), a cantora e compositora Alaíde Costa recebeu das mãos de Paula Lima, cantora e Diretora Presidente da União Brasileira de Compositores, o Troféu Tradições UBC. O evento foi realizado na Casa de Francisca, em São Paulo.

Leia Mais:

A homenagem contou com as presenças de Emicida, que em 2022 produziu, ao lado de Pupillo (Nação Zumbi) e Marcus Preto, o álbum de Alaíde “O que meus calos dizem sobre mim”, eleito o melhor lançamento fonográfico de MPB no 30º Prêmio da Música Brasileira, e que terá segundo volume em 2024; além dos cantores Simoninha, Ayrton Montarroyos, Zé Manoel e Marcelo Lima (filho de Alaíde).

Emicida e a cantora e Presidente da UBC, Paula Lima, celebram a trajetória de Alaíde Costa no Troféu Tradições UBC
Emicida e a cantora e Presidente da UBC, Paula Lima, celebram a trajetória de Alaíde Costa no Troféu Tradições UBC. Foto: Flavia Marcatti/UBC

Emocionada, Alaíde falou sobre a felicidade em receber o Troféu Tradições UBC aos 88 anos de idade e 70 de carreira.

“Eu nem tenho palavras que possam traduzir esse momento, sabe?! É muito lindo chegar aqui depois de tantos anos, mas, ter o reconhecimento agora! Então, é muito gratificante! Tem uma música do João Bosco, que inclusive eu canto, ‘eu me virei sozinha, comi o pão que o diabo amassou, mas, eu estou aqui!’. Obrigada, gente!”, disse Alaíde Costa.

Cantora e Compositora Alaíde Costa no Troféu Tradições UBC
Cantora e Compositora Alaíde Costa no Troféu Tradições UBC. Foto: Flavia Marcatti/UBC

O show “Canções de Alaíde” teve transmissão ao vivo e pode ser visto na íntegra através do canal da UBC no YouTube.

No palco a artista de 88 anos de idade e 70 de carreira interpretou músicas que compôs em colaboração com renomados parceiros, como Johnny Alf, Tom Jobim, Vinicius de Moraes e Geraldo Vandré. O público também pode desfrutar de alguns dos clássicos que marcaram a trajetória de Alaíde, incluindo “Me Deixa em Paz” e “Onde Está Você”, além das novas parcerias com Nando Reis e Emicida.

Sobre o Troféu Tradições UBC

A União Brasileira de Compositores criou o Troféu Tradições em 2020 com o intuito de reverenciar a música brasileira e dar mais visibilidade aos nossos artistas. Esta é a quarta vez que a honraria destaca uma compositora.

Na primeira edição do prêmio, em 2021, a UBC homenageou Anastácia, conhecida como “Rainha do Forró”. Já em 2022, a artista eleita para receber o prêmio foi Dona Onete, fenômeno paraense que conquistou o Brasil e o mundo. Em 2023, Lia de Itamaracá, a maior cirandeira do país, foi contemplada com o troféu.