festival
Foto: Michael Hickey/Getty Images
in ,

10 momentos inesquecíveis do Lolla Chicago, primeiro grande festival pós-isolamento

Foram quatro noites memoráveis!

Do domingo (1/08) acabou os quatro dias do Lollapalooza Chicago 2021. Esse foi o primeiro grande festival, com público e aglomeração, depois do isolamento social causado pela pandemia da Covid-19. Isso foi possível por conta do avanço da vacinação, diminuindo os casos da doença.

Entre os quatro dias, mais de 100 artistas se apresentaram entre 7 palcos. Como um festival a céu aberto, vários shows acontecem ao mesmo tempo, dia e noite, e o público escolhe seu favorito.

evento pós-pandemia
Foto: Lollapalooza

Para celebrar esse retorno dos festivais, relembre os 10 momentos inesquecíveis.

#1 Miley Cyrus e Free Britney

Miley Cyrus passou de uma artista teen para ser muito mais abrangente, cabendo em um festival basicamente com artistas mais alternativos. Na setlist, ela mistura seu novo repertório, mais voltado para o rock, além de hits como “The Climb” e “Party in the U.S.A.“.

O destaque foi quando Miley defendeu o movimento #FreeBritney, que pede que a cantora Britney Spears fique livre da tutela do pai.

A artista cantou “SMS (Bangerz)”, faixa-título de seu quarto álbum de estúdio. Originalmente, a música é uma parceria com Britney Spears, que está lutando pelo encerramento de sua tutela, controlado por seu pai, Jamie Spears. Miley homenageou a princesa do pop e projetou “Free Britney” no telão do festival enquanto cantava.

Foto: reprodução/twitter

#2 DaBaby cancelado

Um dos momentos mais marcantes do Lolla, na verdade, foi um momento que não aconteceu. DaBaby estava confirmado para fazer seu show, mas foi tudo cancelado. A decisão foi tomada pela decisão depois de posicionamentos homofóbicos e sorofóbicos em uma apresentação anterior.

O Lollapalooza foi fundado na diversidade, inclusão, respeito e amor. Com isso em mente, DaBaby não vai mais se apresentar à noite no Grant Park”, anunciou a organização do festival neste domingo.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por lollapalooza (@lollapalooza)

#3 Kim Petras cita Lady Gaga

A cantora Kim Petras realizou um sonho de cantar no festival. Há alguns anos, ela não achava que isso seria possível. “Eu costumava assistir os vídeos da Lady Gaga performando no Lollapalooza e eu pensei que essa coisa era inacessível pra mim”, disse ela.

#4 Megan Thee Stallion juntou multidão

Um dos shows mais prestigiados do festival foi da Megan Thee Stallion. Estima-se que ela juntou 180.000 pessoas, com um repertório de atitude e cheio de hits. Ela tem o Grammy de “Melhor Artista Revelação”.

#5 O Rock está vivo com o Foo Fighters

Com o line-up recheado de rappers e cantores alternativos, Foo Figters entregou muito rock e foi um dos shows mais celebrados, ganhando elogios da mídia especializada.

O show foi aberto com “Times Like These“, seguindo com hits como “These Days“, “Best of You” e terminando com “Everlong“.

#6 Post Malone coloca todo mundo para cantar

Sabe aquele momento que todas as pessoas da multidão sabem cantar cada palavra de uma música? Aconteceu com Post Malone e “Circles“, seu maior hit. De arrepiar!

#7 A confiança de Tyler, The Creator

Tyler, The Creator, deixou claro o quando está orgulho de ver o quão longe ele chegou.

Estou muito orgulhoso de mim mesmo por onde cheguei nos últimos 10 anos. Foi interessante para mim ver como cheguei lá, então escrevi uma música sobre isso“, disse, citando a música “Massa”, lançada há cerca de um mês.

A faixa conta como se sentiu uma lagarta emergindo de um casulo e se tornou um dos artistas mais respeitados do mundo.

#8 Machine Gun Kelly faz surpresa

Machine Gun Kelly não estava listado entre as atrações, mas apareceu como um grande surpresa e foi muito bem recebido pelo público. Ele fez um set mais intimista e teve até um momento “Homem-Aranha”.

#9 Roddy Ricch conta com a ajuda de amigos

Roddy Ricch não estava em seu melhor momento quando cantou “Down Below” e até falou: “culpa minha, estraguei tudo“. No entanto, os fãs perdoaram. Foi aí que tudo ficou mais interessante quando Polo G entrou no palco para dar uma ajudinha. Mais tarde, quem entrou foi Mustard.

#10 Uso de máscaras

O Lollapalooza já estava rolando normalmente quando surgiu a recomendação de uso de máscaras em lugares fechados do Festival. Isso prova que o mundo não está 100% pronto para o retorno de festivais e ainda são necessários certos cuitados.

“Seguindo as recentes recomendações do Departamento de Saúde Pública de Chicago, o Lollapalooza vai exigir o uso de máscaras em todos os espaços internos do Grant Park a partir deste sábado. Recomendamos que todos os fãs presentes no festival tragam uma máscara enquanto participam dos dois últimos dias do festival.”

Escrito por Caian Nunes

De nudes a currículo, web “aproveita” fim do Fleets no Twitter

Inês Brasil quer processar equipe de Danilo Gentili por difamação