Madonna pode ser presa: ao menos, é o que quer conselheiro de Donald Trump
Em 24/01/17 às 12:50 Por: Leonardo Torres | Oh My God!, Yeah! Notícias

O discurso de Madonna na Women’s March, no último sábado (21/1), pode levar a cantora à prisão. Ela disse, em cadeia nacional, que tem pensado em “explodir a Casa Branca” – obviamente, no sentido figurado. Foi suficiente para o conselheiro de Donald Trump, Newt Gingrich, dizer no canal Fox News Live que a Rainha do Pop deveria ser presa, por associação ao terrorismo. Sim, terrorismo.

>> Relembre algumas vezes em que Madonna fez declarações polêmicas

Segundo o conselheiro, Madonna é igual “aos jovens fascistas que correram pela cidade quebrando janelas. Todos deveriam receber a pena máxima. O que você tem é um fascismo emergente de esquerda, e ela é parte disso. Eu acho que temos que estar preparados para nos proteger”.

Em outras palavras, Madonna foi Madonna: causou, mais uma vez. No Instagram, ela esclareceu a linguagem usada no evento: “não sou uma pessoa violenta e não promovo a violência. É importante que as pessoas ouçam e entendam meu discurso inteiramente, ao invés de focar em uma frase tirada de contexto. Sei que agir com raiva não resolve nada, e a única maneira de mudar as coisas para melhor é com amor”.



Relacionados Recentes

Por: Amanda Faia | Publicado em: Oh My God!, Yeah! Notícias
Mas, calma! Lance Bass avisa que não há novas músicas a caminho.
Por: Amanda Faia | Publicado em: Oh My God!, Yeah! Notícias
Papeis foram preenchidos esta semana por homem de 34 anos. Entenda o caso.
ShopLine